PUB
Inicio Opinião Mortes trágicas, Dezembros tristes, sonhos destruídos - Sá Carneiro e Sara Carreira

Mortes trágicas, Dezembros tristes, sonhos destruídos – Sá Carneiro e Sara Carreira

Será sempre pouco provável, diria muito improvável escrever sobre Sá Carneiro e Sara Carreira no mesmo texto. Mas neste Dezembro frio e triste e em confinamento, as notícias que nos chegam a casa são trágicas, um acidente de viação fatal que tira a vida a uma jovem, popular, bem conhecida no mundo da música e da televisão, ainda por ser filha do cantor mais popular em Portugal, mas com um futuro promissor na música. 

Sou assaltada por um sentimento de tristeza e de dor. Apesar de não ser uma fã e não acompanhar a sua vida na TV e nas redes sociais, vejo uma menina bonita, delicada e doce e que cuja vida acaba abruptamente. Deixa uma família destroçada, uma família que percebemos que a tinha como a princesa. Não fico indiferente, não por ser uma menina popular, mas porque é uma vida cheia de sonhos por concretizar que acaba e uma família tão unida que fica inevitavelmente abalada e ferida com tamanha perda.

Gosto de música e alguma coisa do mundo do espetáculo, mas desde cedo tive outros interesses, gosto de política, de estratégia política, da discussão dos temas e dos antigos políticos. E Dezembro é também o mês em que há 40 anos o país recebia a notícia de que Sá Carneiro, Primeiro ministro de Portugal morria num desastre de aviação. Também ele com tantos sonhos para o nosso Portugal desaparece no auge da sua carreira e da vida. Sá Carneiro é uma referência na minha educação política, apesar de não ter sido consensual, era um líder carismático, incendiava debates e arrastava multidões e lutava pelo que acreditava, também a morte dele deixa muitos portugueses abalados e tristes.

Escrevo sobre estas pessoas tão distintas e distantes no tempo e no significado porque ambas retratam a tragédia, o interromper de vidas tão cheias de sonhos.

Perdemos todos os dias referências, cada um de nós as sente de forma diferente. No caso destas de que escrevo, ambas nos levam a pensar na família, nos laços que nos unem, nos ideais que todos temos, na luta pelo que gostamos e acreditamos e nos sonhos, nos sonhos que comandam a vida.

Nesta época de celebração da família, O Natal, que tanto significa para os portugueses desejo a todos que comemorem a família e se unam em torno dos vossos sonhos.

PUB
PUB

Mais Populares

“Os cidadãos não precisam de qualquer declaração para saírem do concelho”

Na sequência das medidas especiais decretadas para Felgueiras, Lousada e Paços de Ferreira, há várias questões que os cidadãos têm colocado.

Fábrica de calçado em Torrados encerra e deixa mais de 100 trabalhadores no desemprego

Uma fábrica de calçado, na freguesia de Torrados, encerrou na manhã de terça-feira. A que o SF apurou...

Subscreva a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas

Capa do Jornal da edição desta semana!

Freguesia de Vila Verde em Grande Destaque; Crise no CDS-PP; Entrevista ao Coordenador da Proteção Civil, Júlio Pereira; Margarida David Cardoso: Uma entrevista a não perder sobre o jornalismo nos dias atuais.

Corporações de Bombeiros recebem apoio financeiro da autarquia

Bombeiros Voluntários do concelho recebem apoios - Semanário de Felgueiras