PUB
InícioDestaquesOPJ 2022: Projeto de estudante de engenharia sobre sustentabilidade é o vencedor

OPJ 2022: Projeto de estudante de engenharia sobre sustentabilidade é o vencedor

Já é conhecido o projeto vencedor da edição de 2022 do Orçamento Participativo Jovem.

Trata-se do projeto intitulado “Comércio Sustentável”, apresentado por João Sampaio de 21 anos, natural de Várzea.

Estudante de Engenharia no ISEP, no Porto, disse ao SF que sempre se interessou pelo tema da sustentabilidade. E foi isso que o inspirou para o projeto que apresentou ao OPJ 2022.

A ideia de João Sampaio consiste na aquisição de uma máquina de venda automática reversa, isto é, um dispositivo de reciclagem com tecnologia integrada que aceita embalagens usadas vazias e garrafas de plástico e de vidro em troca de uma “recompensa”.

O jovem estudante universitário diz que esta é uma forma de promover a reciclagem e ajudar simultaneamente o comércio tradicional afetado pela pandemia.

“O processo é simples: basta colocar um determinado número de embalagens na máquina e quem o fizer recebe um voucher de desconto para ser usado em estabelecimentos de comércio e de restauração do concelho que aderirem”, explica.

O autor da ideia indica que “de maneira a facilitar e incentivar os cidadãos a aderir a este projeto, pode ser criada uma aplicação que permita visualizar quais os estabelecimentos que fazer parte do mesmo”.

Quanto mais material reciclado, mais descontos são obtidos, e maior é a vontade de continuar a reciclar. O dispositivo deve ser colocado numa zona de fácil acesso, num local movimentado e abrigado da chuva, de forma a promover a adesão e o conhecimento dos habitantes desta proposta e evitar danos no aparelho.

Esta máquina, defende o autor do projeto, deve ser instalada na Avenida Dr. Leonardo Coimbra, devido à sua centralidade e proximidade a estabelecimentos comerciais do centro da cidade.

João Sampaio é estudante no Instituto Superior de Engenharia do Porto, tem 21 anos, é natural de Várzea. Acredita que a sua ideia irá ser bem acolhida pela população de Felgueiras.

Além do aspeto ambiental, o projeto tem uma componente de apoio ao comércio de rua. “O pequeno comércio foi o mais afetado pela pandemia e esta é uma forma de ajudarmos, enquanto contribuímos para um planeta mais limpo e sustentável”.

A inovação também faz parte do projeto. “Esta proposta pode trazer algo novo à cidade e tornar Felgueiras dos primeiros concelhos do país a adotar uma medida que pode beneficiar o ambiente e o comércio ao mesmo tempo”, garante.

Com isto é possível “também melhorar a reputação e visibilidade de Felgueiras”, preconiza.

De acordo com o autor do projeto vencedor do OPJ 2022, o custo da máquina de venda reversa, dos cupões e de qualquer gasto imprevisível não deve ultrapassar os 18 mil euros.

“Fiquei muito contente por o meu projeto ter sido o vencedor e penso que as pessoas vão aderir a esta ideia, afirmou ao SF.

O Orçamento Participativo Jovem é uma iniciativa da Câmara Municipal de Felgueiras que tem como objetivo desafiar os jovens a participar, com a apresentação de projetos até 20 mil euros, na vida municipal. O projeto será inscrito no Orçamento Municipal de 2022.

PUB
PUB
PUB
PUB

Mais Populares

Subscreva a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas