PUB
InícioCultura"Nascer do Caos" do Escultor Carlos Costa na Bienal de Artes Plásticas...

“Nascer do Caos” do Escultor Carlos Costa na Bienal de Artes Plásticas de Leiria

A escultura “Nascer do Caos”, da autoria de Carlos Costa, foi selecionada para a Bienal de Artes Plásticas de Leiria.

A XI Bienal de Artes Plásticas de Santa Catarina, em Leiria, tem como título “Caos” e o júri selecionou a escultura do artista que vive na Lixa intitulada “Nascer do Caos”, feita de madeira, metal e pedra (64x15x20cm).

Obra de Carlos Costa

”Entre a ordem e a desordem, o caos e a minha organização, desorganizada, está sempre… a origem de tudo”, lê-se na memória descritiva da obra.

Para esta Bienal, foram selecionadas apenas 25 obras.

A inauguração da exposição está marcada para o dia 7 de maio, pelas 15 horas, na Galeria da Biblioteca Afonso Lopes Vieira, em Leiria. Estará patente até ao dia 31 de maio.

Carlos Costa é professor e a escultura é a sua paixão. É autor de vários obras, muitas delas premiadas.

Busto do Padre Durães, na Lixa

Entre os trabalhos mais conhecidos está o busto de homenagem ao Padre Durães e o monumento ao ex-combatente, ambos no centro da Lixa, e o monumento de homenagem ao Padre Justino, instalado junto à Igreja Paroquial da Refontoura.

Monumento Padre Justino, na Refontoura
Monumento do ex-combatente no centro da Lixa
PUB
PUB
PUB
PUB

Mais Populares

Subscreva a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas