Pub

Quinta de Maderne
InícioPolíticaPSD Felgueiras pede “justiça célere” em investigação ao edil Nuno Fonseca e...

PSD Felgueiras pede “justiça célere” em investigação ao edil Nuno Fonseca e dois vereadores

O Partido Social Democrata (PSD) de Felgueiras pediu hoje, em comunicado, que as autoridades atuem “com celeridade” no caso em que o presidente do executivo municipal, Nuno Fonseca, e dois vereadores são acusados de prevaricação pelo Ministério Público.

Na edição de sexta-feira do Jornal de Notícias foi revelado que, em maio, o Ministério Público formalizou a acusação que também visa o vice-presidente Fernando Fernandes e o vereador Joel Costa.

A investigação aponta que Fonseca e Costa beneficiaram empresas familiares mediante contratos diretos com a autarquia para fornecimento de refeições em eventos municipais. As empresas em questão, geridas por Carla Dalila Duarte e Luís Eduardo Costa, familiares dos acusados, teriam recebido ordens para contratação apesar das proibições legais devido a laços familiares, segundo aquele jornal.

Numa nota de imprensa enviada à redação do SF, o PSD Felgueiras recorda que em fevereiro deste ano, levou à Assembleia Municipal a questão da investigação judicial envolvendo o presidente de Câmara de Felgueiras, dois vereadores e o ex-chefe de gabinete.

Recorda que, na altura, Nuno Fonseca atacou a comunicação social pelas “notícias que não são factos e, por vezes, falaciosas” e queixava-se de terem origem na luta política.

Com a acusação agora revelada, os social-democratas apontam para que houve uma “clara evolução no caso, uma vez que o M.P, perante a verificação de indícios suficientes de prática criminal, avançou para a acusação”. E acrescenta:

“Os visados requereram a abertura de instrução para evitar o julgamento, que é um direito que lhes assiste e quanto a isso nada a apontar, mas, por outro lado, optam pela estratégia de vitimização”.

Prossegue, afirmando que rejeita a “banalização de recorrentes suspeitas sobre a ação municipal” e que todas as situações, “sejam elas quais forem”, deverão ser investigadas com a celeridade desejável.

“À justiça aquilo que é da Justiça”, conclui, apelando para que Nuno Fonseca avalie a sua capacidade política para continuar no cargo diante da deterioração da imagem do município.

Pub

Teco

Mais Populares

Subscreva a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas