PUB
InícioFelgueiras ao minutoProspeção de lítio: PSD acusa Câmara de reagir "tarde e a más...

Prospeção de lítio: PSD acusa Câmara de reagir “tarde e a más horas

O PSD Felgueiras acusa a Câmara de Felgueiras de reagir “tarde e a más horas” na polémica questão de prospeção de lítio no Seixoso.

“Tarde e a más horas, o Presidente da Câmara Municipal de Felgueiras, Nuno Fonseca, decidiu tomar uma posição sobre a prospeção e extração de Lítio na Seixoso. Talvez porque uma reportagem televisiva pôs a nu o quase desconhecimento da população sobre este assunto. Talvez porque, ao contrário do que se passou noutros Municípios, em Felgueiras não houve a preocupação de sensibilizar, informar e mobilizar a população para um assunto de crucial importância para a afirmação ambiental do concelho de Felgueiras, em especial da cidade da Lixa”, referem os social-democratas em comunicado.

O documnento refere que “outros Municípios que viram a sua luta e mobilização contra a exploração de Lítio ser bem sucedida”, mas “em Felgueiras a intervenção dos Órgãos Autárquicos Municipais e de Freguesia foram pautados pela passividade e omissão, correndo, agora, atrás do prejuízo, numa luta contra o tempo”.

O PSD local infere que “eventualmente submissos a interesses partidários, políticos e económicos, se procurou camuflar a participação da população, evitando promover um debate amplo e esclarecedor sobre este assunto, há mais de 1 ano em discussão”.

Na nota enviada ao nosso jornal, o PSD lembra que “a 26 fevereiro de 2021, através de Vítor Vasconcelos, foi o primeiro a questionar a Câmara Municipal de Felgueiras sobre este assunto, em Sessão Ordinária da Assembleia Municipal, mostrando a sua apreensão e posição contrária à prospeção e extração de Lítio no Seixoso, apelando à participação ampla da população, mas já antes, os Vereadores do PSD no anterior Executivo sempre pautaram a sua intervenção em não pactuar com qualquer tipo de intervenção no Seixoso para extração de Lítio, alegando as dúvidas que haverá em relação ao impacto ambiental negativo”.

No mesmo comunicado, o PSD informa que “a 2 de dezembro de 2021, em Reunião da Câmara Municipal de Felgueiras, os Vereadores do PSD votaram contra o Relatório Preliminar do Programa de Prospeção e Pesquisa de Lítio, porque continuava a abrir espaço à prospeção de Lítio no Seixoso” e que “ao invés, a maioria do Executivo SIM Acredita (Livre-PS) votou favoravelmente aquele Relatório”.

Segundo o PSD, em dezembro, em Sessão Ordinária da Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Vila Cova da Lixa e Borba de Godim, “os eleitos naquele Órgão levaram à discussão este assunto, demonstrando a preocupação sobre o assunto e a necessidade de se tomarem medidas políticas preventivas de proteção do Seixoso” e na “última Reunião da Câmara Municipal de Felgueiras, a 3 de fevereiro de 2022, os Vereadores do PSD voltaram, novamente, a interpelar a Câmara Municipal de Felgueiras sobre este assunto, demonstrando a apreensão sobre a hipótese de prospeção e extração de Lítio no Seixoso”.

O comunicado termina com a acusação de que a reação do presidente da autarquia “pareça que não passa de uma resposta propagandística a uma massiva movimentação popular de indignação sobre o tema, ficamos felizes que se tenha juntado (finalmente) à nossa luta”.

PUB
PUB
PUB
PUB

Mais Populares

Subscreva a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas